24° C
min 16° | máx 28°

São Sebastião do Paraiso - MG

(35)3531-2396

Notícias

Reunião do Cissm delibera sobre vários assuntos

11/06/2018

.:: conteudo_36494_1.jpg ::.

Os representantes do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Sudoeste Mineiro (Cissm) reuniram-se na quarta-feira, 6 de junho, em São Sebastião do Paraíso. Na oportunidade e com a presença dos prefeitos, contadores, secretários de saúde e representantes do setor, foram tratados vários assuntos como prestação de contas, criação de novos grupos de trabalhos e da situação da manutenção dos ônibus do órgãos entre outros temas. O prefeito de Paraíso, Walker Américo Oliveira conduziu os trabalhos e destacou a importância das ações já realizadas e que resgatou o Cissm impedindo o seu fechamento há pouco mais de um ano. O primeiro assunto tratado no encontro foi em relação aos ônibus do consórcio utilizados para o transporte de pacientes. Devido às dificuldades que algumas prefeituras estão tendo para fazer a manutenção destes veículos em virtude da crise financeira. Ficou acertado que o sistema deverá sofrer alteração para não penalizar as prefeituras.  Outra questão comentada foi em relação à possibilidade do Governo de Minas fazer repasse aos municípios ou aos consórcios de novos ônibus para o transporte de pacientes. Existe a informação de que o Estado teria feito aquisições destes veículos. Segundo o secretario de saúde Wandilson Aparecido Bícego para a substituição do ônibus, é preciso que o veículo tenha pelo menos seis anos de uso e, no caso do Cissm, o carro existente tem cerca de cinco anos e precisará pelo menos seis meses para ser trocado. Também foi oportunizado que os representantes dos municípios fizessem esclarecimentos sobre as dúvidas relacionadas à prestação de contas do consórcio. O prefeito Walker explicou que há diferença entre os consórcios públicos e privados. Em comum acordo entre os presentes na reunião, ficou acertado que a prestação de contas do Cissm será feita quadrimestralmente. Ainda ficou acertado que os contatos entre os contadores, prefeitos e representantes da saúde com o consórcio deverão ser mais estreitados e haverá troca de informações mais constantes de forma interna.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Foto: Jornal do Sudoeste